O que fazer em Foz do Iguaçu além das Cataratas

postado em: Brasil, Foz do Iguaçu, Paraná | 4

Esta foi minha primeira viagem sozinha. Sempre viajei acompanhada e confesso que, quando iniciei a busca por passagem e informações sobre o que fazer em Foz do Iguaçu, senti certa insegurança. Mas conversei com as blogueiras que tenho contato e isso me ajudou a ficar mais tranquila.

A experiência de viajar sozinha pela primeira vez

Quando cheguei em Foz e comecei a conhecer aquele lugar maravilhoso, me senti muito bem, foi uma das experiências mais libertadoras que vivi.

Eu nas Cataratas
Eu nas Cataratas

Conheci muita gente bacana. Jantei em uma churrascaria na companhia de uma australiana, que não lembro o nome…rs. Ela tinha acabado de vir de Machu Picchu, onde fez uma caminhada de 4 dias, uau, fiquei impressionada com a história dela. Também era a primeira vez que ela viajava sozinha. Ela contou que também teve algumas inseguranças quando pensou na situação. Mas também estava sentido uma sensação muito boa de liberdade.

Foz do Iguaçu

Fiquei encantada com a cidade. Do elevador panorâmico do hotel, já era possível ter uma ideia do quanto a cidade é arborizada.

No sábado fui dar uma caminhada pelas ruas próximas ao hotel, e mesmo no centro, onde ele está localizado, há muitas árvores, o que faz a sensação de calor ser muito menor. Inclusive o zoológico da cidade fica no centro.

Zoológico de Foz do Iguaçu
Zoológico – O que fazer em Foz do Iguaçu

No centro também há um terminal de ônibus, muitas lojas, um hipermercado e alguns restaurantes. Andei pela Avenida República Argentina, passei pelo 34° Batalhão de Infantaria, o lugar é imenso, vai da Avenida Brasil até a Avenida Paraná onde fica o shopping (o endereço do shopping é Av. Costa e Silva, 185). Não visitei o shopping, mas ele é muito bonito por fora.

Na Avenida Paraná há um calçadão extenso, também muito arborizado, com uma pista onde as pessoas fazem caminhada, andam com seus lulus ou somente dão um passeio. Este calçadão é muito bonito, além das árvores, há também jardins, alguns aparelhos de ginástica, e um parquinho com areia e balanços para as crianças.

Se você é amante de caminhadas recomendo este lugar, é muito gostoso.

Calçadão em Foz do Iguaçu
Calçadão em Foz do Iguaçu

O que fazer em foz do Iguaçu

Este assunto parece meio desnecessário, já que as Cataratas são famosíssimas e todos vão a Foz para conhecê-las, mas não é só isso que há para se fazer em Foz do Iguaçu, há muito mais.

Sem contar que por ser uma cidade de fronteira, há ainda a possibilidade de visitar outros dois países Paraguai e Argentina. Foz do Iguaçu faz fronteira com Ciudad Del’Este no Paraguai e com Puerto Iguazu na Argentina.

A cidade Paraguaia é voltada para o turismo de compras de eletrônicos e a Argentina voltada para o turismo de compras de artigos em couro e doces típicos.

Passeios em Foz do Iguaçu

Vamos a algumas dicas sobre o que fazer em Foz do Iguaçu:

  • Mesquita Muçulmana: seguindo pela Avenida Paraná, a partir do shopping Cataratas, 2,8 km à frente, à sua direita você já avistará a Mesquita, o endereço dela é Avenida Nelson Rodrigues, 165. O horário de funcionamento da Mesquita é das 9h00 as 11h30, e das 14h00 as 17h30. Quando estive em Foz do Iguaçu a igreja estava em reforma e fechada para visitas.

 

Mesquita Muçulmana - O que fazer em Foz do Iguaçu
Mesquita Muçulmana – Foz do Iguaçu

 

  • Casa de doces Árabes: Albayan é o nome da loja. Ela está localizada bem em frente a Mesquita. Os doces de lá são maravilhosos e vendidos por quilo. Vale a pena dar uma passadinha.
  • Templo Budista: o Templo Budista de Foz do Iguaçu, foi construído em 1996. Fica em uma parte alta da cidade. De seus jardins é possível ter uma vista de Ciudad Del’Este, no Paraguai. Nos jardins há centenas de estátuas, sendo a maior com 7 metros. O lugar é muito lindo. O templo fica aberto de terça a domingo, das 9h30 às 16h30, a entrada é gratuita. Endereço: R. Dr. Josivalter Vila Nova, 99 – Jardim California.

 

Templo Budista - O que fazer em Foz do Iguaçu
Templo Budista – Foz do Iguaçu

 

Passeios Simples, mas Interessantes
  • 34º Batalhão de Infantaria Mecanizado: está abrigado em um prédio antigo, e um terreno gigantesco. Iniciou-se em  1932 com a 1º Companhia de Fronteira. Depois, esta deu lugar ao 1º Batalhão de Fronteira, em 1943. Após este veio o 34º Batalhão de Fronteira Motorizado, e por fim em 1980 se transforma no 34º Batalhão de Infantaria Mecanizado. Fica localizado na Avenida República da Argentina, 593.
  • Marco das Três Fronteiras: há um em cada país, e de cada um deles é possível avistar o outro. O Marco Brasileiro, estava em reforma quando estive em Foz do Iguaçu. Eles estão localizados na junção do Rio Paraná com o Rio Iguaçu. O Marco Brasileiro foi inaugurado em 1903, juntamente com o Marco Argentino. Endereços: Rua Marco das Três Fronteiras, s/n – Jardim Três Fronteiras – Foz do Iguaçu, Av. Tres Fronteras 515, Puerto Iguazú, Misiónes, Ruta a La Marina y Aduana Paraguaia.

 

Marco da Fronteira Argentina - O que fazer em Foz do Iguaçu - Puerto Iguazu
Marco da Fronteira Argentina – Puerto Iguazu

 

  • Cresfi: este é o prédio do antigo Aeroporto de Foz do Iguaçu, é interessante conhecer, pois é um espaço tão pequeno, que é até dificil acreditar que já foi um aeroporto, onde pousavam aviões comerciais.
Surpresa em Foz do Iguaçu

Em minha caminhada que citei no inicio do texto, fui até a Mesquita Muçulmana. Quando cheguei lá descobri que em Foz do Iguaçu há um ônibus de turismo, tipo Hop on Hop off/Sightseeing, que existe em outros países. Lá conversei com a guia do ônibus e acabei continuando o trajeto com eles.

Saímos da Mesquita e fomos para o templo Budista e de lá voltamos para a sede da empresa Foz do Iguaçu CityTour. A empresa está localizada na Avenida Brasil, 92, no centro de Foz do Iguaçu, dentro de um hotel.

Templo Budista - O que fazer em Foz do Iguaçu
Templo Budista – Foz do Iguaçu

Em um de seus tours, o ônibus passa por estes pontos que citei. Em outro passeio eles fazem a parte do comercio argentino, a ponte Tancredo Neves, onde está a divisa dos dois países, entre outros lugares.

O passeio de ônibus de turismo tem somente um ponto de saída, que é na Avenida Brasil. Hoje ainda não é possível descer nos pontos e ficar e depois pegar outro ônibus para seguir para o próximo ponto de interesse. Mas você terá tempo suficiente para ver as atrações e tirar fotos. No templo budista o tempo de parada foi de 30 minutos. Mais uma atividade para não ficar sem o que fazer em Foz do Iguaçu.

Os ônibus circulam do lado brasileiro, de terça a domingo, das 9h00 às 14h00. Pelo lado argentino circulam todos os dias às 16h30. O valor do Tour por pessoa era de R$ 60,00, quando estive lá.

Onde Comer em Foz do Iguaçu

Como fiquei somente 3 dias na cidade, e tinha muito o que fazer em Foz do Iguaçu, não tive muito tempo para visitar muitos restaurantes, mas comi duas vezes em uma churrascaria que ficava ao lado do Hotel chamada Bufalo Branco, fica na Rua Eng. Rebouças, 530 no centro, o rodízio custa R$ 49,00 e tem também buffet de salada e outras comidinhas a vontade, incluído neste valor. A comida é muito boa.

No supermercado Muffato também há um restaurante, ele fica dentro do supermercado, em frente aos caixas, não cheguei a comer lá, mas a comida parecia boa, é um restaurante por quilo. Em meu tour com a guia do hotel, ela me mostrou também um lugar que é bem movimentado a noite, com alguns bares e restaurantes bem animados e com música ao vivo, é a Avenida Jorge Schimmelpfeng, como referência para o GPS, utilize o número 288 da avenida, é onde começam os restaurantes.

Shopping Cataratas - O que fazer em Foz do Iguaçu
Shopping Cataratas – Foz do Iguaçu

 

Neste texto coloquei dicas dos passeios, que acredito, irá tomar quase um dia todo em foz. Consegui conhecer somente três destes lugares, pois utilizei para isso somente a manhã do segundo dia que estive em Foz do Iguaçu.

Nestas dicas deu pra ver que tem muito o que fazer em Foz do Iguaçu. Espero que este texto ajude você a organizar seu passeios pela cidade, ou lhe inspire a ir conhecer este lugar maravilhoso. Se tiver outras dicas, dúvidas ou sugestões, escreva aqui embaixo, terei prazer em ler e responder. Até o próximo post, com mais dicas sobre Foz do Iguaçu.

 

Booking.com

Seguir Alessandra Lima:

SEO e Redatora

Alessandra, é uma pessoa apaixonada por viagens. Formada em Comércio Exterior e escreve o blog Viagens de Cá pra Lá desde 2014. Adora ler e fazer fotos. Buscando sempre lugares inusitados para suas viagens, seu intuito é trazer informações mais completas possíveis para você, Leitor. Seja bem vindo ao blog Viagens de Cá pra Lá.

4 Responses

  1. Ana Carol

    Oi Alexandra! Viajar sozinha é uma aventura e tanto, mas que vale a pena, né!? Ainda mais que você foi para um destino tão incrível quanto Foz do Iguaçu!

  2. Viajante Comum

    Acredito que sua escolha para essa primeira experiência não poderia ter sido melhor! Muito legal mesmo! Ainda não conheci Foz mas querendo muito incluir na listinha desse ano! Espero que dê certo! Post lindo! Bjocas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *