Pontos Turísticos de São Paulo: Dicas de Passeios e Compras na Capital

postado em: Brasil, Capital, São Paulo | 8

A capital paulista é uma cidade com 465 anos, e tem, desta forma, muita história para contar. Sendo assim são oferecidos inúmeros pontos turísticos de São Paulo, para todos os públicos, bolsos e gostos.

Desta forma, uma visita a cidade de São Paulo lhe proporcionará muitas oportunidades de passeios.

Praticamente em todas as regiões da cidade há algum ponto interessante para ser visitado. Além, dos passeios pagos, há também inúmeras atividades gratuitas.

Aqui no blog Viagens de Cá pra Lá, você encontrará várias opções de turismo na cidade. Como, por exemplo, esta lista de Museus em São Paulo, ou este texto de onde conhecer a Cultura Japonesa pela cidade, tem também, um texto completo sobre passeios pelo centro de São Paulo.

São realmente, muitas opções, abaixo, colocarei algumas indicações de pontos turísticos de São Paulo, para organizar sua visita.

Sobre a Cidade de São Paulo

Considerada o maior Centro Econômico do Brasil, também possui muitas atividades culturais, e prédios históricos preservados. Mas não foi sempre assim.

Fundada por Jesuítas, teve seu início, no local onde hoje encontra-se o Pátio do Colégio. Local onde, inicialmente, existia a oca do Cacique Tibiriçá, que vivia nestas terras.

Uma região alta, entre os rios Tamanduateí e Anhangabaú, posição estratégica para defesa do território.

Porém, por muito tempo, ocupou uma posição insignificante comercialmente falando, pois era distante da zona portuária, assim como, terras impróprias para o cultivo de produtos de exportação.

E assim, permaneceu até o século XVIII, utilizada apenas, como ponto de partida para expedições em busca de minérios e aprisionamento indígena.

Seu crescimento econômico, iniciou-se somente a partir do século XIX, com a instalação da ferrovia Santos-Jundiaí. Além, de ser um importante ponto de passagem, para o escoamento da produção cafeicultora.

 

Pátio do Colégio - Pontos Turísticos de São Paulo
Pátio do Colégio – São Paulo

 

Pontos Turísticos de São Paulo

Parte desta história, está preservada ainda no Centro Histórico da cidade, no Pátio do Colégio e região, onde estão alguns pontos turísticos de São Paulo.

Nesta região, encontra-se além do pátio, estão o Solar da Marquesa, Casa da Imagem e Beco do Pinto. Locais que fizeram parte desta história.

Assim como, vários pontos que mencionarei aqui, também conta um pouco desta história. E neste texto, a Leda de Luca do blog Ares do Mundo, fez uma lista de restaurantes Italianos em São Paulo, assim além de turistar pela capital, também vão conhecer restaurantes deliciosos pela cidade.

Parque do Ibirapuera

Mas nem só de história vive o turismo na cidade de São Paulo, há várias opções para passeios em meio a natureza.

O parque do Ibirapuera é um destes pontos.

Além, de seu lago, e sua grande área verde, dentro do parque você encontrará várias opções de entretenimento.

Há inclusive museus, como o Museu Afro Brasil, o Museu de Arte Moderna, Planetário, o Pavilhão Japonês e a marquise, onde há vários expositores de artesanatos e área para utilização de patins e skate.

O parque também possui lanchonete e barracas de comidinhas espalhados por toda sua área. É possível passar um dia inteiro por lá, e ter muitas atividades par toda a família.

Endereço: o Parque Ibirapuera tem vários endereços para entrar, vários portões, uma delas fica na Avenida República do Líbano, 331. Outra delas fica na Avenida Pedro Álvares Cabral, atendida por várias linhas de ônibus. Para saber qual a linha que atende a região onde você está, utilize o aplicativo Moovit, ele informa as linhas para chegar a qualquer ponto da cidade.

Endereço: Avenida Pedro Alvares Cabral, sem número, ou Avenida República do Líbano, 331.

Entrada: Gratuita.

Horário de Funcionamento: Aberto diariamente, das 5h00 às 00h00.

Parque da Água Branca

O Parque da Água Branca, foi criado inicialmente para ser um Centro de Exposições dos setores da agricultura e pecuária. Além disso, possuía um pequeno zoológico e até um cinema mudo.

É formado por várias construções em estilo Normando e vitrais no portal de entrada em estilo Art Déco. Nesta época era parte da diversão paulistana, passear pelo parque a noite, para ver seus prédios iluminados.

Hoje o Parque da Água Branca, é utilizado para eventos gastronômicos e shows, além, de ter inúmeros pontos para atividades ao ar livre, e até um Museu Geológico.

As construções existentes no parque são muito bonitas, e a área verde é enorme.

Endereço: Avenida Francisco Matarazzo, 455 – Barra Funda.

Entrada: Gratuita

Horário de Funcionamento: Aberto diariamente das 6h00 às 20h00.

 

Parque da Água Branca - Pontos Turísticos de São Paulo
Parque da Água Branca – São Paulo

 

Parque Villa Lobos

Um parque bastante arborizado, com ciclovias, pistas de caminhada e corrida, quadras de tênis, basquete e futebol, biblioteca, orquidário, parquinho para crianças e até um parquinho para os pets.

Mas, não foi sempre assim, este parque até 1987, era uma área onde eram jogados lixo do Ceagesp, entulho e material dragado do Rio Pinheiros.

Com sua reformulação, foram retirados todos os dejetos e construído o parque que hoje existe.

Além, das dependências descritas acima, o parque também oferece inúmeras atividades, aulas de ginástica ao ar livre, exposições e feiras. Neste texto sobre passeio ciclístico em São Paulo, falo um pouco mais sobre o parque.

Uma ótima opção de passeio tanto para os finais de semana, quanto para feriados e dias normais. Inclusive, quem tem oportunidade de ir ao parque durante a semana, terá um espaço mais tranquilo para uma caminhada e apreciar a natureza.

Além, de todas estas atividades, na entrada do parque, é possível alugar bicicletas para um passeio divertido, inclusive com triciclos para toda a família.

Endereço: Avenida Professor Fonseca Rodrigues, 2001.

Entrada: Gratuita.

Horário de Funcionamento: Aberto de terça-feira a domingo e feriados, das 9h30 às 18h30.

Ciclovia da Faria Lima

Um dos pontos turísticos de São Paulo, é a ciclovia da Faria Lima, aliás, esta é uma delas. Na cidade de São Paulo, hoje são encontrados cerca de 460 km de vias exclusivas para bicicletas.

A Avenida Faria Lima é toda atendida pela faixa exclusiva de bicicletas, que vai desde seu início, até seu final, e junta-se com outras seguindo até a Lapa e também até o Parque Ibirapuera.

É uma ótima opção para se locomover entre alguns pontos desta região, como o parque Villa Lobos e Parque do Ibirapuera, citados acima.

E em seu caminho você ainda encontrará o Museu da Casa Brasileira e o Centro Cultural Tomie Ohtake.

Você se exercita e se diverte. Neste texto sobre lugares para conhecer na Faria Lima, conto um pouco sobre o museu e o centro cultural.

 

Mirante Sesc Paulista - Pontos Turísticos de São Paulo
Mirante Sesc Paulista – São Paulo

 

Ciclovia da Paulista

Outra parte da cidade atendida por ciclovias. A Paulista é atendida totalmente pela ciclovia, além disso, ela se une a ciclovia que atende a liberdade e o centro de São Paulo.

Uma boa opção para conhecer as atrações da Paulista e também os bairros da Liberdade e Centro.

Uma ótima pedida para os finais de semana e feriados, quando acontece a Paulista Aberta, em que esta avenida fica à disposição de pedestres, sem o trânsito de carros.

Por lá é possível pegar uma bicicleta do Itaú, a Tembici, e também do Bradesco e as Yellow, e sair pedalando. As bikes do Itaú estão logo no início da Paulista, próximo ao Sesc Paulista, as bikes do Bradesco no final dela, na estação Consolação do Metrô e as Yellow são encontradas em toda a avenida.

Mas, chegue cedo, as bicicletas são bem concorridas nos finais de semana e feriados.

Endereço: Avenida Paulista, 119.

Entrada: O uso das bicicletas é gratuito nos primeiros 30 minutos.

Horário de funcionamento: Disponíveis 24 horas ao dia.

Centro cultural Itaú

Aproveitando que você estará passeando pela Paulista, dê uma passada no Centro Cultural Itaú.

Por lá acontecem várias exposições temporárias durante o ano, com assuntos bastante interessantes, e artistas brasileiros e estrangeiros, além, de exposições de trabalhos alternativos.

Há também, um acervo permanente contando um pouco da história do Brasil, cartografia e acervo mostrando nossas riquezas naturais.

Endereço: Avenida Paulista, 149.

Entrada: Gratuita

Horário de Funcionamento: Aberto de terça-feira a sexta-feira, das 9h00 às 20h00, domingos e feriados das 11h00 às 20h00.

 

Centro Cultural Itaú - São Paulo
Centro Cultural Itaú – São Paulo

 

Casa das Rosas

A Casa das Rosas, é outro dos pontos turísticos de São Paulo, localizado na região da Avenida Paulista.

Fica bem próxima ao Centro Cultural Itaú, a casa é um local onde acontecem vários workshops, oficinas de leitura, teatro e escrita.

Também há espaço para leitura e alguns cômodos continuam decorados, mobiliados, como em sua época de construção.

Além disso, a própria arquitetura da Casa das Rosas é algo que vale uma visita, sem contar a história envolvida em sua Preservação.

A casa foi construída na década de 1935 e ocupada por uma família tradicional de São Paulo, até meados de 1980.

Nesta época, cogitava-se sua demolição e construção de um prédio seguindo os padrões modernos da Avenida Paulista, onde ela está localizada.

Mas, em ação inédita no Brasil, àquela época, a casa foi preservada como patrimônio histórico, sendo liberada parte da área de seu terreno para a construção de um edifício comercial.

Além, de toda esta história, e eventos que ocorrem no local, a  Casa das Rosas, conta ainda com um lindo jardim, com roseiras e um corredor verde, onde há exposições de fotos, e um orquidário.

Endereço: Avenida Paulista, 37.

Entrada: Gratuita.

Horário de Funcionamento: Aberto de terça-feira a sábado, das 10h00 às 22h00, domingos e feriados das 10h00 às 18h00.

 

Casa das Rosas - Pontos Turísticos de São Paulo
Casa das Rosas – São Paulo

 

Japan House

Mais um ponto turístico de São Paulo, localizado na Avenida Paulista.

Japan House é um centro de exposições que mostra, a arte, a cultura e a história do Japão.

Oferece várias exposições temporárias, além de cafés, restaurante, loja e exposições de livros para leitura no local. Todo este conteúdo em um prédio inusitado e destoante das construções ao seu redor.

Endereço: Avenida Paulista, 52.

Entrada: Gratuita.

Horário de Funcionamento: Aberto de terça-feira a sábado das 10h00 às 20h00, domingos e feriados das 10h00 às 18h00. Fechado às segundas, mesmo em feriados.

Parque do Ipiranga

Também chamado de Parque da Independência, com lindos jardins, monumentos e um museu, que está fechado para reforma, mas um espaço agradável para um dia diferente na capital.

A parte principal do parque, fica do lado do monumento a Independência, é onde há uma extensa área verde, e uma pista bem larga, onde as pessoas andam de patins, skates e bikes.

Do outro lado da rua, há o Museu do Ipiranga, que está em reforma, com previsão de reabertura em 2022. Sua construção em estilo Francês tem um jardim inspirado nos jardins do Castelo de Versailles.

Endereço: Rua Brigadeiro Jordão, 149

Entrada: Gratuita

Horário de Funcionamento:  O parque permanece aberto diariamente das 5h00 às 20h00.

 

Museu do Ipiranga - Parque da Independência
Museu do Ipiranga – Parque da Independência

 

Estação da Luz

A estação da Luz, é uma construção de 1901, e por lá passaram Reis, diplomatas e empresários.

Sua arquitetura inspirada em construções inglesas, como o Big Ben e a Abadia de Westminster.

Parte de seu prédio era utilizado pelo Museu da Língua Portuguesa, que está passando por reformas após um incêndio, e deverá ser reaberto em 2020.

A estação da Luz é utilizada hoje como transporte público, e por lá passam milhares de pessoas todos os dias.

Mas, ainda assim, com toda esta movimentação, vale uma visita para admirar as belezas de sua arquitetura.

Endereço: Praça da Luz, 1

Entrada: Gratuita.

Horário de Funcionamento: Aberta diariamente das 4h00 às 0h00.

Estação Júlio Prestes

Esta foi a estação inicial da Estrada de Ferro Sorocabana, construída entre os anos de 1925 e 1938.

Construída em estilo Luís XVI, tem uma torre de 75 metros de altura que abriga um relógio estilo Inglês, o único do país elétrico e mecânico ao mesmo tempo.

Além disso, o prédio da Estação Júlio Prestes, abriga ainda, a Secretaria de Turismo, a Sala São Paulo, onde se apresentam a Orquestra Sinfônica de São Paulo, além, de apresentações de dança e música.

Endereço: Rua Mauá, 16 – Campos Elíseos.

Entrada: Gratuita. É possível visitar algumas esculturas na parte externa da estação, e a estação em si, já que ela funciona para o trânsito de trens, mas vale uma visita para admirar e fotografar sua arquitetura.

Horário de Funcionamento: Aberta diariamente das 4h00 às 0h00.

 

Estação Júlio Prestes - Pontos Turísticos de São Paulo
Estação Júlio Prestes – São Paulo

 

Teatro Municipal

Com arquitetura seguindo os moldes das construções do continente Europeu, foi erguida entre 1901 e 1913.

Construída para receber grandes nomes da música lírica e orquestras.

Um prédio imponente e de grande beleza, bem no coração de São Paulo, vale uma visita para conhecer um pouco da história desta época.

Endereço: Praça Ramos de Azevedo, sem número – Sé.

Entrada: Gratuita.

Horário de Visitas: terça-feira as 11h00, 16h00 e 17h00, quarta-feira a sexta-feira às 11h00, 13h00, 15h00, 16h00 e 17h00.

 

Teatro Municipal de São Paulo
Teatro Municipal de São Paulo

 

Mercado Municipal de São Paulo

Também conhecido como Mercadão, sua construção chama atenção, localizado no Centro Histórico de São Paulo.

Inaugurado em 1933, causa admiração por suas enormes colunas, abóbadas e vitrais, trazidos da Alemanha.

Em seu interior, inúmeros estandes entre legumes, frutas, peixes e especiarias, também chama atenção para seus restaurantes com pratos diversos e suas lanchonetes.

Um dos maiores atrativos do Mercadão é o famoso Sanduíche de Mortadela. Compras no Mercadão não são muito viáveis, pois os preços não são muito convidativos.

Mas, a visita é imperdível.

Endereço: Rua da Cantareira, 306 – Centro

Entrada: Gratuita.

Horário de Funcionamento: Aberto de segunda-feira a sábado, das 6h00 às 18h00, domingos e feriados das 6h00 às 16h00.

Edifício Copan

Uma construção dos anos 50, do arquiteto Oscar Niemeyer, com suas curvas sinuosas impressiona os visitantes.

São inúmeros apartamentos, que tornam o edifício, praticamente em uma mini cidade.

Na parte térrea do edifício, são encontrados todo o tipo de comércio, de lavanderias, a lanchonetes, restaurantes e joalherias.

É possível subir até o terraço do prédio e ter uma vista privilegiada da cidade.

Endereço: Av. Ipiranga, 200 – República

Entrada: Gratuita.

Horário de Funcionamento: Aberto para visitas de segunda-feira a sexta-feira as 10h15 e às 15h15, com permanência de 15 minutos.

Edifício Martinelli

Este edifício, nasceu do sonho de um imigrante Italiano, Giuseppe Martinelli, que após prosperar com seu trabalho quis deixar um legado permanente na cidade.

Então, decidiu construir o prédio mais alto da América Latina, e assim nasceu o Edifício Martinelli.

Projetado inicialmente para ter 12 andares, estes foram sendo aumentados, até chegar a 24 andares. O mais alto e mais largo edifício daquela época.

Endereço: Avenida São João, 35 – Centro.

Entrada: Gratuita.

Horário de Funcionamento: Segunda a sexta-feira das 9h00 às 17h00, com duração de 1 hora, sábado e domingo das 9h00 às 19h00. É necessário chegar com 1 hora de antecedência para o cadastro e levar um documento com foto.

 

Edifício Martinelli - São Paulo
Edifício Martinelli – São Paulo

 

Farol Santander

O Farol Santander como é conhecido hoje, inicialmente foi a sede do Banco do Estado de São Paulo, Banespa.

Sua construção foi iniciada em 1939 e levou 8 anos para ser concluída. Após o término de sua construção, o Edifício Altino Arantes nome dado a partir de 1976, com seus 161 metros e 35 andares, foi considerado o mais alto do País e da América Latina até 1960.

O Farol Santander é tido como um dos símbolos da cidade de São Paulo, podendo ser visto de várias regiões da cidade, como as marginais, a Avenida do Estado, Minhocão, Avenida Ricardo Jafet, bairro da Liberdade entre outros.

Hoje o Farol Santander promove várias exposições, além de ter uma vista incrível da cidade a partir de seu terraço.

Endereço: Rua João Brícola, 24 – Centro Histórico.

Entrada: R$ 20,00 inteira, R$ 10,00 meia entrada.

Horário de Funcionamento: Aberto de terça a sábado das 9h00 às 20h00, domingos das 9h00 às 19h00.

Pátio do Colégio

O Pátio do Colégio, foi a primeira construção feita pelos jesuítas em São Paulo, conforme contei no início do texto.

Foi onde tudo começou. Por lá há um café, um museu com obras de arte na parte superior do prédio e outro na parte subterrânea.

Ao lado do prédio principal do Pátio do Colégio está a primeira Igreja de São Paulo, a Basílica de José de Anchieta.

Vale a visita para conhecer um pouco a história da cidade.

Endereço: Praça Pátio do Colégio, 2 – Centro Histórico

Entrada: O valor da entrada é de R$ 8,00 inteira, R$ 4,00 meia entrada e R$ 20,00 para monitorias de grupos de até 50 pessoas.

Horário de funcionamento: Aberto de terça a domingo, e feriados não religiosos, das 9h00 às 17h00. Fechado das 12h00 às 13h00.

 

Vista para o Farol Santander - Rua do Solar da Marquesa
Vista para o Farol Santander – Rua do Solar da Marquesa

 

Compras na Cidade de São Paulo

Além, de todos estes pontos turísticos de São Paulo, a capital paulista também é bastante procurada para compras, por pessoas de todo o Brasil.

A cidade conta com vários pontos de comércio popular em todas as suas regiões. Centros de vendas de roupas, utensílios domésticos, equipamentos para restaurantes, ferramentas, alimentos e decoração.

Abaixo citarei alguns deles.

Avenida José Paulino – Bom Retiro

A Avenida José Paulino, localizada no Bom Retiro, antigamente era a rua dos Imigrantes. Hoje muito buscada por revendedoras de roupas de todo o Brasil.

Nesta avenida e suas travessas, são encontradas várias lojas de roupas femininas, masculinas e infantis.

Além disso, por lá também é possível encontrar roupas de festas, ternos e lingeries. Um local bastante movimentado, principalmente aos finais de semana.

Com certeza, você encontrará ótimas oportunidades de roupas de boa qualidade e bons preços.

Endereço: Próxima a Estação Luz do metrô.

Horário de Funcionamento: As lojas estão abertas de segunda a sexta, das 8h00 às 17h00, sábados das 8h00 às 14h00 e fechadas aos domingos.

Brás

No bairro do Brás, existe outro centro comercial muito visitado por vendedoras e consumidores também.

São várias ruas, a partir da Estação Brás do metrô, onde você encontra todos os tipos de roupas. São lojas especializadas em jeans, malhas, vestidos, lingerie, cama, mesa e banho.

As lojas vão, desde a saída da estação, passando pelas ruas Miller, Barão de Ladário, Rua Maria Marcolina, Oriente, o Shopping All Brás, que fica no final da Rua Oriente, à esquerda.

Além de todas estas ruas, logo no início da Rua Miller, a esquerda do Largo da Concórdia, está a Feirinha Largo da Concórdia.

Em todas estas ruas você encontrará roupas com preços muito bons, mas é necessário garimpar para encontrar melhores qualidades.

Nesta região você também encontrará outlets, como Herring e Liquido.

Horário de Funcionamento: A Feirinha do Largo da Concórdia e o Shopping All Brás, ficam abertas de segunda-feira a sexta-feira das 02h00 às 16h00, sábados de 02h00 à 14h00 e estão fechadas aos domingos. Já as lojas de rua ficam abertas de segunda-feira a sexta-feira das 9h00 às 18h30, sábados das 8h30 às 17h30 e fecham aos domingos.

 

Estação da Luz - Pontos Turísticos de São Paulo
Estação da Luz – São Paulo

 

Rua 25 de Março

Esta é a famosa rua, com muitos camelôs, e muitas lojas de itens variados. Também já se transformou em um dos pontos turísticos de São Paulo.

Muitas pessoas que vêm visitar a capital, querem conhecer a Rua 25 de Março. Por lá, lojas de todos os tipos, maquiagem, bijuterias, fantasias, tecidos, miçangas, chapéus, bolsas, utensílios domésticos e muito mais.

Sem contar, que nas ruas paralelas e travessas você também encontra lojas interessantes.

Mas vá de espírito preparado, o movimento da região é grande, diria até que é tumultuado.

Horário de Funcionamento: As lojas da região costumam ficar abertas de segunda-feira a sexta-feira, das 7h00 às 18h00, sábados das 7h00 às 16h00, aos domingos estão fechadas.

Zona Cerealista

Esta é a região que costumo visitar com maior frequência. Lá você encontra tudo que possa imaginar para preparar seus pratos.

Tanto itens para uso no dia a dia, quanto temperos e iguarias diferenciadas. Os preços das lojas na zona cerealista costumam ser bem em conta.

Para comprar queijos, doces, embutidos, palmitos, itens para feijoada, azeitonas e outras guloseimas, gosto de ir até o Mercantil Santa Paula.

Já para comprar grãos, farinhas, proteína de soja, chás e especiarias, costumo visitar o Mercantil Santa Filomena.

Mas, aqui também é preciso uma dose extra de paciência, principalmente para ir à Santa Filomena.

A loja está sempre lotada, as filas costumam ter uma espera de 1 hora, então, a sugestão é, passe pela loja, retire sua senha, e vá dar uma volta nas outras lojas em volta.

Já no Mercantil Santa Paula o processo é mais rápido. Os produtos destas duas lojas são ótimos e com preços excelentes, por isso, a fila é tão demorada.

Mercantil Santa Paula

Endereço: Rua da Alfândega, 415 – Brás.

Horário de Funcionamento: Aberto de segunda-feira a sexta-feira, das 6h00 às 18h00, sábados das 6h00 às 14h00, a loja não abre aos domingos e feriados.

Mercantil Santa Filomena

Endereço: Rua Santa Rosa, 100 – Brás.

Horário de Funcionamento: Aberto de segunda-feira a sexta-feira, das 8h00 às 17h00, sábados das 7h00 às 14h30.

Outra dica para não pegar tanta fila, é visitar as lojas próximo ao horário de fechamento.

Dicas para aproveitar melhor os Pontos Turísticos de São Paulo

Uma boa dica para aproveitar mais os pontos turísticos de São Paulo é a localização de sua hospedagem.

São Paulo não é uma cidade fácil de se locomover, mas, você pode resolver este problema hospedando-se próximo às estações de metrô.

Desta forma, indicarei alguns hotéis que lhe ajudarão otimizar sua locomoção na capital.

Ibis Budget Paraíso: Opção simples, com valores acessíveis e localizado a poucos metros da Estação Paraíso do Metro, você pode fazer sua cotação do hotel neste link.

Hotel Brigadeiro: Outra opção simples, mas muito bem localizado, próximo ao metrô Brigadeiro, você pode fazer sua cotação do hotel neste link.

Onde comer em São Paulo

Caso você esteja hospedada próximo a Paulista, há inúmeras opções de restaurantes na região.

Vou deixar duas sugestões de restaurantes na região, que tem comida excelente.

Bassano: Localizado na Rua Pamplona 793, quase esquina com Alameda Santos. Servem deliciosos crepes ao valor de R$ 29,00 ou self service por quilo a R$ 82,00 o quilo. Aberto somente de segunda-feira a sexta-feira.

Super Gril: Localizado dentro do Shopping Cidade São Paulo, na avenida Paulista. Eles servem self service por quilo, R$ 82,00, pratos executivos muito bem serviços a partir de 22,00, pizzas e porções.

Conclusão 

São Paulo é uma cidade bastante eclética, com lugares incríveis para serem visitados em todas as suas regiões.

Muitos dos pontos turísticos de São Paulo, que mencionei neste texto, estão localizados na região central da cidade.

Apesar, de muitas pessoas terem medo de frequentar esta região, é possível visita-la sem tanto susto.

A indicação é, vá sempre com atenção, sem joias e relógios, assim, chamar menos atenção. Eu vou muito ao centro, e na maior parte das vezes desacompanhada, mas, sempre durante o dia e vestida de forma simples, nunca tive problemas.

Mas, o principal para andar nesta região é atenção, cuidado com pertences, se estiver de bolsa ou mochila, leva-las a frente do corpo.

Se tiver um amigo, ou amiga como companhia, tanto melhor. Aproveite seu passeio pelo centro para conhecer o Mercadão que mencionei acima e experimente o Pão com Mortadela. Há várias lojas que fazem o sanduíche, e são todos muito bons.

Com estas dicas sobre pontos turísticos de São Paulo, espero que você se anime a vir visitar a capital. Caso venha conhecer a cidade dê um alô, se eu estiver por aqui, podemos marcar de tomar um café. Ficou com dúvidas sobre os passeios, ou tem outras sugestões? Deixe seu comentário aqui embaixo, será um prazer responder. Gostou destas dicas? Então siga o blog no Facebook, Instagram e Pinterest para saber mais novidades. Até o próximo post.

8 Responses

  1. Angela C S Anna

    eu adorei visitar o parque do ipiranga, acho muito bonito! o farol do santander tb foi uma otima pedida para minha primeira viagem a sp

    • Alessandra Lima

      Olá Angela.
      Que bom que gostou do Parque do Ipiranga, os jardins e a arquitetura dele são lindos.
      O Farol também é ótimo.
      Obrigada por comentar.
      Abraço,
      Alessandra.

  2. Cynara Vianna

    Ô cidade que eu adoro. Sua lista está ótima, um excelente roteiro como guia para quem pretende conhecer e ver o tradicional da cidade.

    • Alessandra Lima

      Oi Cynara,
      Realmente Guimarães é linda.
      Quero voltar para conhecer mais desta cidade incrível.
      Obrigada por comentar.
      Abraço,
      Alessandra.

  3. Carolina Arellano

    Que post bacana! Nasci em São Paulo (atualmente não moro) e fui agora em janeiro visitar, é isso ai…um monte de coisas super interessantes pra fazer. E como vc mesma falou, a 25 de Março é tumultuada haha tem que ter coragem (e é legal mesmo assim, visita obrigatória).

    • Alessandra Lima

      Oi Carolina,
      Que bom que gostou do post.
      Verdade, a 25 de março, requer coragem e paciência, mas é visita obrigatória.
      Obrigada por comentar.
      Abraço,
      Alessandra.

  4. Carina

    Eu conheço tão pouco São Paulo… e posts como este, só me dão mais vontade de passar vários dias na cidade descobrindo tudo. Muito bom!

    • Alessandra Lima

      Olá Carina,
      São Paulo tem muitas atrações realmente.
      Passar uns 5 dias na cidade seria o necessário para conhecer as principais atrações.
      Obrigada por comentar.
      Abraço,
      Alessandra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *